domingo, janeiro 20, 2008

Anjo Negro

Vi uma sombra corri para ela

Segui os seus passos até a janela

Aproximei me mas ela saltou

Saltando com ela meu corpo voou

Pelo abismo que nunca termina

Entendi então que a sombra era a minha

2 comentários:

Lviz disse...

Muito bom!

Adorei este. Tem até um "quê" de humor negro: "Entendi então que a sombra era a minha".

Muito bom mesmo!

Manuel Morgado disse...

Looooooooooooool

Então era de quem...?!

és mesmo morgado