quinta-feira, novembro 19, 2009

ONDE MORRI


ONDE MORRI

Estradas vazias
Onde não existes,
Gritos, sonhos, lágrimas...
Minha alma adormecida
Buscando a tua..
Nada é real!
Procuro por ti
Em cada sorriso
Em cada olhar
Dia após dia
Naquele lugar
Onde não estas
Onde morri

Foto por: Raquel Maia

1 comentário:

Desambientado disse...

Fiz um presépio, onde...

Os anjos cantam em coro,
Glória a Deus e Paz na Terra.
Nessa aldeia não há guerra,
Nem quero que haja choro,
Estão lá os meus amigos,
Os recentes e os antigos,
É nesse lugar que moro.

Boas Festas